Atacante Arlindo comemora o gol contra o Palmeira-RN (Foto: Ronaldo Barreto)
Atacante Arlindo comemora o gol contra o Palmeira-RN (Foto: Ronaldo Barreto)

Por Ronaldo Barreto, para o Esporte Guarulhos

O Flamengo de Guarulhos se prepara para a disputa do Paulista da Série A3 , e o técnico Caco Espinoza, pensando na competição, promoveu quatro atletas que atuaram na Copa São Paulo – o goleiro Matheus, o meia Dawhan e os atacantes Estevão e Arlindo. Um dos mais elogiados pela torcida, o atacante Arlindo conversou com o Esporte Guarulhos, contou sobre sua carreira nas categorias de base e disse como recebeu o convite para disputar o estadual.

Sobre a Copa SP, o camisa 9 acredita que a equipe poderia ter sido mais madura para conseguir a classificação. “Acho que faltou um pouco de maturidade, saber atacar na hora certa e controlar o jogo, que sempre esteve ao nosso favor. A gente pegava a bola e partia pra cima, ao invés de segurar o jogo, e isso acabou nos prejudicando e levando à desclassificação”, explicou.

Suas atuações foram bem vistas pela torcida do Corvo, que o aplaudiu quando foi substituído na partida contra o São Caetano. “É uma satisfação. Uma sensação muito boa de dever cumprido”, agradeceu o atacante.

Arlindo fez dois gols no torneio, mas se destacou pela vontade em campo. Mesmo assim, ele afirma que não esperava o convite para integrar o time profissional. “Fiquei surpreso e feliz pelo chamado do professor Caco. Agora, é trabalhar para poder responder à altura. Além de ajudar a equipe na A3, com muitos gols para a torcida, que é merecedora”, comemorou.

Arlindo corre pelo lado direito do ataque no jogo contra o Atlético Paranaense (Foto: Alex Bispo/Esporte Guarulhos)
Arlindo corre pelo lado direito do ataque no jogo contra o Atlético Paranaense (Foto: Alex Bispo/Esporte Guarulhos)

Carioca, o jogador, de 18 anos, falou dos seus primeiros times e comentou como foi parar em Guarulhos. “Sou de uma pequena cidade no Rio de Janeiro, chamada Carabuçu. Lá, comecei no Liberdade. Jogava nas cidades vizinhas, onde, graças a Deus, pude fazer muitos gols. Comecei a me destacar entre os amigos e tive a oportunidade de ir para o Flamengo (RJ), depois, fui convocado para jogar na base da Seleção Brasileira. Passei pelo Olaria (RJ) para ganhar mais experiência. Então, surgiu a proposta do Corinthians, que me emprestou ao Flamengo de Guarulhos”, contou.

Arlindo ficou parado por conta de uma lesão, em 2014, mas admitiu um desentendimento com seu treinador no Corinthians, clube que tem contrato até dezembro deste ano. O centroavante afirma que não irá cometer os mesmos equívocos do passado. “Estive parado um tempo, machucado, mas fui emprestado ao Flamengo de Guarulhos por um desentendimento com o treinador do Corinthians, o Osmar (Loss). Mas, como um bom profissional, acho que aprendi com o erro e não vou errar mais”, ressaltou.

Por fim, Arlindo falou como pretende conseguir a titularidade no time. “Primeiramente, saber respeitar as pessoas que estão na mesma posição, depois trabalhar e colocar tudo que eu sei em prática. Mas, em relação a isso, eu sou bem tranquilo. Gosto de surpreender”, afirmou.

O Flamengo tem um jogo preparatório contra Água Santa neste sábado (17), e o centroavante disse estar “disponível e doido para jogar”.

Anúncios

Um comentário em ““Doido para jogar”, atacante Arlindo trabalha por chance como titular do Flamengo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s